Archive for the ‘Configurando’ Category

h1

Problemas com o SAMBA

May 28, 2007

Fiz uma mudança na minha rede interna e algo aconteceu que não entendi até agora. Tive que mudar a máquina que acessava a internet, eu usava a minha para acessar a net via Virtua e a outra máquina ficava na outra ponta da rede. Inverti as máquinas e agora a máquina que tenho os arquivos fica na ponta da rede e recebe a internet da outra.

A máquina que acessa a net usa basicamente windows e na outra eu uso o Ubuntu. Antes eu partilhava o HD de 160Gb formatado em NTFS que acesso e gravo via NTFS-3G na rede. A outra máquina acessava, lia e gravava, mas agora nada acontece. Já tentei partilhar as pastas para o Windows na outra máquina e nada. Começo a desconfiar da firewall do Win. Vou pesquisar mais e se achar a resposta posto aqui.

Sejamos Livres,

Alex Rodrigues

Advertisements
h1

Perfumaria é o que?

May 19, 2007

É natural que depois que temos nosso sistema funcionando redondo, com nossos programas instalados e tudo correto e funcional que procuremos algo mais. Personalizar o sistema é um caminho divertido. Nossos programas preferidos no dock, mudar os ícones, muda isso e muda aquilo. E acabamos buscando um visual diferente do que vem como padrão. Pelo menos no meu caso é assim. Mas aí é que está o problema, o tema padrão do Ubuntu é tão bom que é difícil achar um que entregue com tanta classe o que o Human oferece. Hoje fiz isso, queria um visual parecido com o Studio, preto, com transparências e toda a perfurmaria que eu tenho direito. Demorou mais achei, estou rodando um legal:

Tema novo Tema Studio-like.

A usabilidade do tema padrão do Ubuntu é enorme, tudo muito fácil de visualizar, intuitivo e simples, cores harmônicas e bonitas. Mas acho que esse tema ficou legal, não é o tema padrão do Ubuntu Studio mas achei esse o melhor que encontrei.

O que eu queria saber da galera que quiser contar é o seguinte: o que você acha disso? Esse tipo de coisa é importante para você? Qual será o grau de pessoas que escolhem um sistema operacional baseado no visual? Perguntas…

Sejamos Livres,

Alex Rodrigues

h1

Rede Linux – Windows

February 15, 2007

E aí pessoal…

Esse assunto é o que mais me trouxe problemas. Por conta de fazer a rede funcionar eu já até estraguei a configuração da internet e fiquei desconectado. Tive até que reinstalar uma vez o sistema, claro que por falta de conhecimente meu e um pedaço grande de pressa em resolver logo. Mas para começar é legal falar como é minha rede não?

Eu tenho dois computadores em casa(PC), em rede e ambos com dual boot, um deles (AMD) está ligado na web (Net a cabo) em um modem usb. Tenho nesse primeiro computador o Ubuntu como primeiro sistema e o Win XP como segundo (quase não uso ele). No segundo computador ligado ao primeiro via cabo cross-over, tenho um intel com dual boot, com Kubuntu e Win XP. Consegui fazer a internet ser partilhada e a rede funcionar com os dois rodando Windows XP, é fácil. Com o primeiro no XP e o segundo no Kubuntu foi mais fácil ainda. Nem precisei fazer a configuração como fiz no Win, foi só plugar o cabo, ligar o computador e entrar no sistema. Pronto, rede e internet funcionando. Graças ao Zeroconf. Mas quando entra o Ubuntu na máquina 1, o que acontece 100% do tempo, nada acontece. Nunca consegui fazer os dois conversarem. A segunda máquina com Win XP ou Kubuntu, tanto faz. Nunca consegui partilhar a rede e nem a conexão. Eu não saco nada de rede e então me complica muito. Todos os manuais, tutoriais e coisas terminadas com ais, são muito técnicos e quando comecei a tentar entender a rede e fazer ela funcionar pude sentir o que um leigo sente quando não encontra o que precisa para fazer seu computador funcionar. É uma frustração grande. Isso é uma coisa que pega de verdade para quem é novato, alguns tutoriais para serem entendidos precisam de muito conhecimento prévio e as pessoas ficam com medo de seguir aquilo e estragar tudo, nem todo mundo é maluco como eu…

Mas enfim. Até hoje não consegui fazer o negócio funcionar 100%. Já me conformei com isso.

Mas a umas duas semanas atrás lendo umas coisas sobre Ubuntu, descobri que a versão nova do sistema vai vir “de fábrica ” com as mesmas funções e configurações do Zeroconf que o Kubuntu. Portanto acabaram meus problemas. Se ele funcionar igual, vai ser só colocar na rede e pronto. Dê uma olhada o que saiu no meio bit sobre isso.

Essa é uma das coisas mais legais do Ubuntu. A cada nova versão ele vem com muitas coisas boas e úteis novas. Essa por exemplo vai me facilitar muito a vida.

Bom é isso pessoal.

Sejamos Livres.

Alex Rodrigues

h1

O que eu ainda não consegui fazer…

February 7, 2007

Continuando os textos que tinha combinado de escrever comigo mesmo…

Aprendi na prática que com um pouco de insistência e muita vontade não há nada que se faça no Windows que não dê para fazer no Ubuntu. É claro que tem coisas que a pessoa precisa insistir,procurar na net, perguntar e parar para pensar. Mas nada que precise ser cientista de foguetes. Por exemplo, um dia desses estava fazendo um logo para um amigo, usei o inkscape e salvei em svg. Nada demais, depois quando precisei modificar e fazer um pdf de alta qualidade surgiu o problema. Eu só sabia fazer isso no destiller da Adobe, que não existe para Linux. Procurei na net, dei algumas voltas infrutíferas mas acabei dando um jeito. Instalei uma impressora virtual de PDF e agora faço pdf muito tranquilo com alta qualidade. Achei pela internet, como tenho feito com muitas coisas. E por aí vai, desde escanear e fazer uma imagem virar texto a partilhar arquivos. Com um pouco de vontade e pesquisa tudo se resolve. Ou quase tudo. Partilhar a internet foi e continua sendo o meio calo. Todos que são mais experientes que eu dizem que é moleza, e eu até acredito, mas todas as vezes que eu tentei me ferrei. Tive até que reinstalar o sistema porque não achava onde tinha feito a besteira. E ficar sem internet não dá.

O mais estranho é que no Kubuntu com o KDE eu consegui na boa, sem stresse. Mas porque? Porque no Kubuntu ele vem com uma coisa linda chamada Zeroconfig, uma tecnologia que faz sua rede funcionar sem precisar de configuração nenhuma, daí o nome zero. E com esse rapaz aí configurado de fábrica tudo acontece como mágica, é colocar ele na rede e pronto, aí está vc na net, vendo as máquinas windows e partilhando o que quiser.

Mas aí é que está a novidade boa, na próxima versão do Ubuntu, a 7.04, ele vai vir com tudo isso também. Portanto nossos problemas acabaram. Rede, partilhamento de impressora com o SAMBA, internet partilhada e suporte a gravação e leitura em discos NTFS (outro calo), tudo isso já pronto e configurado. Para que eu não tenha que escrever de novo um post com esse título.

Abraços e Sejamos Livres,

Alex Rodrigues

h1

Automatix e Multimedia.

January 7, 2007

Olá,

um grande problema para pessoas que como eu vieram do windows é a multimedia. Já li sobre muitos problemas para ouvir mp3, ver videos em avi, wmv e outros formatos, proprietários ou não. Existe uma solução para cada caso. Na internet você acha como fazer tudo na mão, colocando os codecs para cada arquivo. Nesse site você pode achar isso.
Read the rest of this entry ?

h1

Estava funcionando e eu ferrei tudo ou Cuidado com o que vc muda na configuração.

December 28, 2006

Bom, estava eu com meu computador funcionando, a internet funcionando, meu HD em NTFS sendo acessado e com direito a gravação. Tudo perfeito. Mas faltava uma coisa: a rede. Tenho duas máquinas em casa e queria ( e ainda quero, não consegui fazer isso ainda) fazer as duas máquinas conversarem. Queria que ambas acessasem os arquivos com direito a gravação, que ambas entrassem na internet. Nada demais certo? Errado. As coisas são mais complexas do que parecem para quem não conhece nada de rede. Existem algumas maneiras de fazer essas coisas pelo o que eu pesquisei.
Read the rest of this entry ?

h1

E agora? Já instalei.

December 19, 2006

Voltando,

estava com o Ubuntu instalado e funcional. Só para lembrar, tinha uma máquina rodando em dual boot o Win XP e o Ubuntu (como sistema principal) que tinha o GRUB como gerenciador e na máquina um AMD 2.0 com 512 de ram e dois HDs, um de 40Gb com os sistemas e outro de 160Gb com os arquivos, esse formatado em NTFS. E aí começa um drama.

Como fazer para o Ubuntu gravar e ler na partição NFTS, já que ela é proprietária da MS? Bom, a boa notícia é que existe o projeto NTFS-3G, que descobriu como fazer isso e já está bastante maduro e estável para usar (sempre com precaução). Já li que fizeram testes com gravação em partições Windows através do Linux, os chamados de testes de stress, que visam medir e levar ao máximo a tecnologia.
Read the rest of this entry ?